04 outubro 2015

Costa já foi V

Costa já foi IV

Costa já foi III

Costa já foi II

Costa já foi I

Comentário: Era útil que António Costa se demitisse hoje para desanuviar a situação política.

12 comentários:

zazie disse...

http://i.giphy.com/xTiTnoHyhv13TxNWKc.gif

Anónimo disse...

Pois, e os portugueses foram avisados e agora vão ter mesmo caldeirada, com um ano de instabilidade política até às próximas eleições. É para aprenderem a dar valor à estabilidade política. Mais uma vez aprenderão à sua custa.

E vamos a ver o que vai acontecer no PS, com o Sócrates a andar aí (mesmo acusado), o Costa a não querer sair a bem, e o partido completamente quebrado por dentro, sem coerência programática e ideológica.

A coligação deve manter-se unida e trabalhar para obter maioria absoluta nas próximas eleições, ficando a ver os esquerdalhos a comerem-se uns aos outros até lá.

zazie disse...

A maluca da Canvilhas diz que o PS vai governar à esquerda dentro do Parlamento

AHAHAHAHHA


Palhaços

zazie disse...

Diz que vão boicotar o governo

zazie disse...

Agora só falta a Justiça a funcionar e tínhamos uma Mani Pulite

Anónimo disse...

Portugal ficou grego. O Cavaco devia deixar o "Partido de Esquerda" governar. Nas próximas eleições o PAF tinha mais de 50%. Façam a vontade à esquerdalha. A formação do "governo" seria uma cena hilariante. A Catarina pó governo já!

Anónimo disse...

Cuidado com a carteira. Pelo sim pelo não...

Ricciardi disse...

Parece-me bem o resultado. A PAF governará sem maioria. A ala extremista liberal do PSD fica condicionada e o partido ganha temperança.
.
Rb

Anónimo disse...

Acabei de ouvir o discurso de derrota deste bronco. Como é que esta nódoa pôde chegar a candidato a Primeiro-ministro??

zazie disse...

Se ele quer chegar a Presidente

eheheheh

Estes gajos são marados dos cornos. Têm sempre um programa de boicote seja para governar, seja para não deixarem governar.

José Lopes da Silva disse...

O dr. Cavaco preza a estabilidade e vai sugerir um governo de bloco central. O dr. Costa vai sacrificar-se a bem na nação, do europeísmo e contra "maiorias negativas" e vamos vê-lo como Ministro da Administração Interna.

Harry Lime disse...

Foi mesmo. Desta vez tenho de dar razão ao Jaquim.

Rui Silva