15 março 2017

Parlamento

O assunto chegou ao Parlamento. E o ministro está a ser apertado. Naturalmente, mete os pés pelas mãos. Não se consegue mentir indefinidamente em público sem um dia se ser apanhado:

Já questionado sobre um despacho que na semana passada retomou o estudo sobre a nova ala pediátrica do Hospital de São João, que a Administração Regional de Saúde do Norte anunciou em janeiro que já tinha sido aprovado pela tutela, Adalberto Campos Fernandes falou de um “despacho-tipo” para dar seguimento a projetos pendentes nos hospitais e que requerem investimentos avultados e disse que estava em causa apenas a articulação do projeto funcional.

Os deputados do PSD só questionaram o ministro sobre este projeto, mas recorde-se que na semana passada saíram cinco despachos do mesmo género e também a nova maternidade de Coimbra voltou a estar em estudo, quando o projeto também já tinha sido aprovado pela tutela. Todos os despachos pedem um relatório até 15 de abril, para habilitar decisões políticas. Na semana passada o i procurou obter esclarecimentos do ministério sobre o significado desta data, sem sucesso. (aqui)

1 comentário:

Dognon Médard disse...

Olá

A fim de combater a pobreza e a exclusão de banco, oferecer on-line:

-Empréstimos comerciais
-Empréstimos pessoais
-Empréstimos de financiamento
-Empréstimos imobiliários

E tudo que variam de € 5.000 a € 500.000.

A taxa de juro do crédito é de 2% sobre o total do empréstimo e as condições do empréstimo são muito simples. Obtêm-se empréstimos solicitados num prazo de 72 horas após a apresentação.

Minha oferta é séria, você pode perceber através do procedimento que é procedimento legal entre empréstimos individuais.

Contacte-me hoje e deixe-me saber a quantidade de dinheiro que você quer emprestar.

Meu e-mail é: damienteveu@gmail.com

Com o prazer de ler