08 setembro 2015

evil?

I'm not offering my home to a Syrian refugee. That doesn't make me evil

63 comentários:

Anónimo disse...

Eu também não ofereço a minha casa a um refugiado sírio, ou a qualquer refugiado. Isto já enjoa.

Ricciardi disse...

"I think they have kind spirits and want to do their small bit to help people in need. I just don’t think their generosity is realistic and, more importantly, I don’t believe nice gestures offer a proper solution to the Syrian refugee crisis. "
.
"Offering homes to a few – whether it is 1,000 or 10,000 – does absolutely nothing for the millions more who won’t be lucky enough to come to Britain, or Germany or other western European".
.
.
1)Está enganado o moço. Ele há kind spirits. Indeed.
.
2) Makes all the difference meu amigo. Se ajudares um, faz toda a diferença.
.
.
Nunca me esqueci da estória de milhões de peixes q deram à costa. A saltar meios vivos, meios mortos. O observador ficou intrigado porque via um homem, no meio daqueles milhões de peixes, a atirar um a um os peixes de volta aí mar. Perguntou-lhe o q és estava a fazer, que diferença fazia atirar meia dúzia de peixes no meio de milhões a saltitar. O homem pegou noutro peixe, atirou-o para o mar e respondeu: para este fiz a diferença.
.
Rb

Rui Alves disse...

"Of course the people who have offered to take in Syrian refugees are not bad people."

O que a inteligentíssima autora está a dizer é que aqueles que andam a acolher famílias estrangeiras famintas, sem lar e na miséria, está a fazer um disparate, porém não o faz por mal e até acredita que sejam boas pessoas. Por isso, essa gente que ajuda o próximo até merece ser compreendida. Ela não, ela é uma pessoa fixe e esclarecida, ficará confortavelmente a assistir sem se mexer porque na sua douta inteligência, já percebeu que ajudar um refugiado em milhões não tem significância estatística.

tric.Lebanon disse...

os militares da Cristandade Portuguesa tem que tomar conta de Portugal!...o tempo dos politicos está a acabar! ninguem mandatou o regime para apoiar a Islamização da Europa

Rui Alves disse...

"And that is the need to take long, expensive and bloody military action to deal with the murderous regimes of both President Assad and Isil once and for all."

Bestial, esquece-se ela que eles vêm fugidos precisamente de uma guerra que começou para derrubar Assad. Portanto, mais uma que acredita que o drama dos refugiados de guerra se resolve com mais guerra.

Acolher, receber, amparar? Nah, é parvoíce. Invadir, matar, bombardear, destruir, desalojar? Ai isso sim, é que está a dar. Que nojo...

zazie disse...

"http://player.ooyala.com/iframe.js#ec=phZ3RldzoNYUSB4si762Honw6YglvrDn&pbid=7dfd98005dba40baacc82277f292e522"

Olhem-me estas amélias que não podem ir para a guerra por serem inválidos.

zazie disse...

http://www.telegraph.co.uk/news/worldnews/europe/greece/11850162/Migrant-crisis-Lesbos-on-verge-of-explosion-after-fresh-clashes.html

Ricciardi disse...

A guerra no Iraque feita pelo demoníaco Bush é uma das causas primeiras desta confusão. Foi apoiado por Portugal, Espanha, Inglaterra etc. Quem não se lembra da cimeira dos Açores.
.
Portanto, se Portugal ajudou à festarola agora tem de dançar.
.
Rb

zazie disse...

Vais à frente a fazer de majorette?

zazie disse...

Sempre a eterna puta da culpa judaico-cristã.

Sempre isso e sempre o "quanto mais se lixarem mais sobra para os internacionalistas".

zazie disse...

E agora já não são sírios. Agora até são iraquianos.

Para justificarem a puta da culpa para cima dos outros, até são capazes destes nºs de Circo Chen.

Tanto são coitadinhos da Síria, onde Portugal nunca esteve, como são iraquianos por causa do Barroso e do JMF 57.

zazie disse...

Se são os invadidos pela coligação, então cuidem-se que eles também gostam de escolher datas precisas e mudar eleições à bomba.

zazie disse...

Cambada de merdas, é o que é.

Estão bem uns para os outros.

Por mim deportava era estes.

Ricciardi disse...

Debitada a palavra Culpa, mas seria mais adequada a palavra Responsabilidade.
.
Rb

zazie disse...

Responsabilidade devia ter a bismerka para com os desgraçados dos gregos autóctones.

A esses não se lembram de oferecer casa. A esses faz-se pagar o que devem.

Ricciardi disse...

Os efeitos tem causas. O Iraque é uma delas. E não pouco importante.
.
É a vida. Quando erramos temos de assumir as responsabilidades.
.
Rb

Ricciardi disse...

Os gregos já estão em casa. Os sírios é que estão em fuga. Uma fuga de terroristas disfarçados de crianças e bebés. Deve ser isso.
.
Rb

Ricciardi disse...

Dá-lhes Francisco. O nosso cardeal achou bem a proposta do Papa e diz q até pode ir mais longe na contenda.
.
A Igreja centrada no serviço aos aflitos.
.
Clap clap.
.
Rb

zazie disse...

Vai à merda.

Es doente.

tric.Lebanon disse...

este tem vir para Portugal !!!...Sr. Ricciardi, já esta escolhido, qual vai ser o refugiado que vai para sua casa...preenche todos os critérios humanistas para entrar na Europa!!!
.
https://www.youtube.com/watch?v=A74bMcJdH0s

zazie disse...

Ele só não sente responsabilidades de penca.

Na Síria nunca os portugueses andaram a colonizar nada. Aquilo foi dos otomanos e em se tornando libre, o mais que teve com ocidentais foi a boa da batalha de Yom Kipur.

Portanto, também pode pedir responsabilidades históricas ao Natanionocoiso ou ao socialismo que vai dar ao mesmo.

zazie disse...

Aflitos na peida é que os eles são.

zazie disse...

O ar de aflitos daquelas bestas que mal chegam armam merda e começam logo a fazer manifs de culpabilização, mete nojo.

Mete nojo toda aquela cambada nova a berrar contra quem os recebe.

Sempre se disse que quem perdoa aos inimigos acaba-lhes às mãos e é bem certo.

marina disse...

olha aqui Zazie onde chega o ridiculo :

http://www.elmundo.es/elmundo/2010/12/20/andalucia/1292836108.html

podem dizer adeus ao presunto :)

tric.Lebanon disse...

zazie, realmente...não sei aonde é que isto vai parar com tanto "humanismo"
.
https://www.youtube.com/watch?v=X2rmA9A7CEM

zazie disse...

ehehehe

Deve ser a imitar os pencudos que se iam mascarando de holocausto por causa do mesmo.

Essa gente é tarada e o mais estranho é que até aqui, na blogo, somos apenas duas mulheres a dizer isso.

Os homens residentes são amélias.

zazie disse...

Isto é uma vergonha. Mais um video onde se pode confirmar que não é boato que é tudo homens novos.

Que merda.

E aquele caralho no poder não sabe incorporar à força esta cambada de inúteis?

Euro2cent disse...

> Os homens residentes são amélias.

Camarada, os nossos donos encarregam-me de a informar que a escritura sagrada e a lista dos pecados foram mudados, e agora está a incorrer nas seguintes ofensas:

1 - Xenofobia, islamofobia, sexismo, moralismo, tribalismo, nacionalismo, salazarismo, religiosidade retrógrada.

2 - Falta de fé na liberdade, no progresso, e no livre progresso da humanidade em direcção a um estado de consciencia superior totalmente esclarecido e livre de peias e dogmas.

3 - Excesso de conhecimentos de história. (Tabula rasa, baby.)

Os nossos donos não estão zangados consigo, estão só muito, muito desapontados. E estão também preocupados se não será necessário um curso de re-educação, quiçá medicação, para que se possa sentir um@ membr@ plenamente integrad@ da sociedade, não duvidando do futuro radioso da humanidade sob a benévola direcção dos mais esclarecidos e progressistas dirigentes que alguma vez houve.

Veja lá isso, hem?

(#48965, 34º batalhao especial de amélias das internetes)

zazie disse...

ehehehe

Só assim, como o Euro2Cent faz é que se aguenta.

Rui Alves disse...

Zazie
Lamento desiludi-la, mas há mais amélias na blogosfera, e no feminino :-)

zazie disse...

Pois há. Mas eu referia-me apenas às residentes aqui do blogue.

Se reparar, essas são americanas e americanas não contam.

":OP

zazie disse...

Até o Gabriel do Blasfémias deu em amélia. Uma amélia neotonta com água benta.

Ninguém acreditava. Pensavam que estava a gozar.

marina disse...

eh so ler o fim : "portugueses que emigraram " emigraram , repare -se :) pois q se apliquem leis de emigraçao aos "refugiados " , ora essa .atrapalhaçao das duvidas esse post :) apetece dizer fia-te na virgem e nao corras ..
"solidariedade europeia " matriz europeia a solidariedade ? q lirica . e cega. so no xx foram 3 guerras mundiais ( este terceiro esmagar dos outros pela solidaria alemanha acho q tb deve contar ).

zazie disse...

Mas não sabias que os portugueses que emigraram nos anos 60 par o Luxemburgo tiveram logo estatuto de refugiados e deram-lhes casa, comida e roupa lavada sem precisarem de fazer corno?

Foi assim. E em França também.

Ainda hoje as saudades que eles têm de beberem ao fim da tarde o bom do chateau-lafite na bidonville

zazie disse...

Elas são americanas fantásticas. Uma espécie muito engraçada que se compara às alemãs fantásticas como aquela Helena do 2 Dedos de Conversa.

Passam a ter nojo dos tugas e adoptam os tiques daquilo que não são mas se imaginam como sendo há longas gerações.

zazie disse...

Mas dá para perceber como se aliviam do mesmo modo que os jornais americanos também se aliviam.

Inventam culpas europeias.

Há um melro que até já foi convidado para vir cá dar conferência a explicar a sacanice da legislação europeia que ainda faz triagem nas companhias de aviação para evitar emigração clandestina.

Isto quando na América toda a gente sabe que entra tudo e nem perguntam de onde vem ou como se chama.

Ricciardi disse...

Portanto, ajudar famílias em fuga da guerra é coisa do diabo.
.
Ele há cada um.
.
Nasceram com coração de pedra, é o que é. E nem o exemplo da própria familia, que acolheu refugiados alemães da guerra, os faz enxergar a dimensão da imbecilidade que debitam.
.
Um amigo meu q está no Peru disse ontem q passou nas notícias q circulava em Portugal uma petição contra o acolhimento de refugiados. Ele diz q sentiu vergonha de ser português. Compreendo-o, mas tenho a certeza q a esmagadora maioria dos portugueses não se revêm naquela peticao.
.
Naquela só se deverão trics e lusotrecos. Os racistas empedernidos da caserna.
.
Têm a distinta lata de dar exemplos de cenas mazinhas q acontecem com refugiados como se fosse prova suficiente para dar corpo à tese luciferina q lhes vai na alma. Por essa ordem de ideias um Emigrante português em França ou no Brasil q proceda mal também deve ser aplicada a a mesma teoria para toda a comunidade emigrante portuguesa.
.
IDE dar banho ao cão.
.
Rb

zazie disse...

O mais que se nota naqueles efebos todos é que são pais de família.

zazie disse...

Mas, essa de psicanalizar a caridade dos outros tem de começar pelo próprio.

Já acolheste em casa uma destas famílias ou aliviaste a bolsa?

Apenas isto.

Responde a isto e deixa-te de pregação da cubata.

Porque eu faço o meu dever com os que me estão próximos mas não é para publicitar no jornal ou na tv.

zazie disse...

Assim fizesse toda a gente o seu dever com o que lhe é mais próximo.

Apenas isto.

Aliás, essa de me acusarem de ser uma má pessoa e até xenófoba e não sei que mais da ladaínha das falácias ad hitlorum é tão besta que se fosse dita sem ser online e perante quem me conhece, v.s levavam a maior corrida que se pode imaginar.

Quando forem ao meu funeral vão ouvi-las de volta por toda a merda que me andaram a insultar virtualmente

eheheheheheh

zazie disse...

Eu posso dizer o que me apetece, sem ter de me preocupar em parecer bem, para agradar ao social, precisamente porque a minha vida real é escudo para tudo isso e muito mais.

zazie disse...

E não sou hipócrita como tu. Não ando de dedo a apontar defeitos de falta de caridade ou coração a quem não conheço e nem sei o que faz, e muito menos sem o fazer, como tu.

Porque tu mandas que os outros façam mas nunca ninguém te viu declarar que tenhas praticado o que dizes que é obrigação moral dos outros fazerem.


Fazerem por ti.

V.s é mais é proteger e aumentar o monte.

zazie disse...

Nunca ninguém me faltou ao respeito. Nem quem pode embirrar comigo.

Porque eu tenho cá uns lemas muito próprios e uma velha tradição de ética das zundapps gamadas que ficou para a vida.

E é por isso que não tolero palhaçadas que são caricaturas e mentira e injustiças.

zazie disse...

Agora é moda acolher e dar abrigo a imigrante que vem no jornal.

Se for ao pobre sem abriga da rua, isso não conta porque não entra no catálogo.

Tratar dos nossos velhos, está quieto. Para isso nunca vi voluntariado. O mais que vão é dondocas pintar-lhes as unhas mas mudar uma fralda, está quieto.


Não há muitos jovens a tratar de quem precisa nem na sua própria família.

E para isso não inventam ONGs ou paleio de treta porque não está na onda mediática nem se enquadra nas tabelas da etiqueta à Bobone-pró-minoria.

tric.Lebanon disse...

"Um amigo meu q está no Peru disse ontem q passou nas notícias q circulava em Portugal uma petição contra o acolhimento de refugiados. Ele diz q sentiu vergonha de ser português. Compreendo-o, mas tenho a certeza q a esmagadora maioria dos portugueses não se revêm naquela peticao.
.
Naquela só se deverão trics e lusotrecos. Os racistas empedernidos da caserna."
.
zazie, se souberes o link já sabes...
.
Zazie, não gosto de islamicos e judeus em termos gerais...zazie, qual foi a regiaõ do Mundo que mais se islamizou nos ultimos 40 anos!!!??? e depois levar com mais uma vaga macissa de migração islamica!!!?? As Monarquias do golfo não querem nenhum refugiado...a Turquia, Jordania e o Libano colocam-nos em campos de refugiados...e a trolaró da Europa é que tem que os tem que integrar...no médio-oriente, as comunidades cristãs são perseguidas e mesmo a ser destruidas, como a cristandade assyria, e o silêncio islamico é total! depois escutamos, os Turcos, Irão, Sauditas a exigirem humanismo à Europa...se a Europa tem problemas demográficos que se latinize e não se islamize!!!! é dois em um...o Islão destroi a cristandade no Levante e ao mesmo tempo islamiza-se a Europa, em nome do humanismo...sou racista e xenofobo, defendo a latinização da Europa em vez da Islamização!!!

Ricciardi disse...

"Já acolheste em casa uma destas famílias ou aliviaste a bolsa?"
.
A minha família acolheu, como a tua, duas meninas órfãs. Uma alemã e outra austríaca.
.
Qto a mim, é bem provável q o senhor padre da minha paróquia me venha pedir para acolher refugiados. É quase uma certeza.
.
Portanto, queres q te responda?
.
Acolhe-los-ei com todo gosto. Tenho a casa dos antigos caseiros disponível. Cabem duas famílias. E não preciso de apoio social algum. Tenho trabalho para os homens de família e, quem sabe, arranjo trabalho para as mulheres tambem. Com contrato de trabalho, as criancas poderão ir à escola.
.
Ficarei imensamente feliz por contribuir para diminuir o sofrimento de quem vier.
.
Rb

zazie disse...

Estou a falar de ti, no presente.

Ponto final.

Fulanizas as coisas, entra no pessoal sem me conheceres de parte alguma e eu pergunto-te se por acaso, tu próprio, já abriste as portas de tua casa para algum imigrante islâmico.

Dar trabalho toda a gente dá. Fica mais barato.

zazie disse...

Olha-me este. Paga ao jardineiro preto ou à mulher a dias do leste e diz que isso é caridade e que também acolhe imigrantes em casa

AHAHAHHAHAHAHAHAHA

Ricciardi disse...

Eu, enfim, compreendo a posição daqueles q tem receio de q se esteja a abrir portas a terroristas infiltrados. É uma possibilidade bem real. O q tem a fazer essas pessoas?
Fazer petições para não acolher pessoas aflitas?
.
Nada disso. O q tem é de exigir q se faça um bom controle de entrada.
.
Rb

zazie disse...

Acaso metes dentro de caso os sem abrigo portugueses?

Quanto dinheiro é que já puseste à disposição desta nova causa?

E isso em percentagem a quanto que encaixas por mês?

Eu nem quero saber. Estas merdas feitas assim são pura devassa de amélias que falam que nem mulherzinhas por serem cuscas e não conseguirem argumentar teoricamente nada.

Tu pões-te para aí de dedo esticado a acusar-me de ser assim e assado. De ter coração de pedra e ser xenófoba e não estar a meter dentro de casa todas estas famílias de refugiados que tu impões como obrigação para os outros.

Merda. Com paleio deste só se pode perguntar à besta que acusa se acusar não é o modo mais espertalhão de nunca lhe perguntarem o mesmo.

zazie disse...

Ah, agora já quer controle...

Pois filho.

Sabe-la toda.

Quanto pagas ao jardineiro?

Olha que eu sou capaz de levar menos e trabalhar melhor.

E também preciso de massas.
Não me importava nada que me adoptasses

AHAHAHAHHAHAHAHAHAHAH

Ricciardi disse...

No presente é isso q te disse. Estou disponível. Felizmente posso.
.
Rb

zazie disse...

Estás disponível e é só se vier de fora.

Para autóctones nunca te lembraste de disponibilizar nada.

E felizmente podes.

Portanto, isto de dar não é tirar a própria camisa para dar ao outro.

É de facultar na medida das possibilidades.

Ora bem.

Mas impor entrada de toda a gente a quem nem para os seus tem, já tem outro nome e é legislada pelos que, "felizmente, ainda têm possibilidades para até poderem lucrar com isso e, ao mesmo tempo, ficarem bem no retrato".

zazie disse...

Estas cenas dos exotismos são muito engraçadas.

Devem dar charme. Dá muito mais charme a padralhada ir para o cu de judas em passeatas de caridade que cuidar dos da sua paróquia.

É a caridade-on-the-road.

Há profissionais nisso.

Agora descobriram que é muito mais charmoso dizer que vão adoptar islâmicos em casa, do que cuidarem dos velhos que morrem ao relento e pelos quais podem passar todos os dias.


É esta merda que encanita. Sempre com a preocupação do upgrade da etiqueta mais in.

Ricciardi disse...

Só tenho autoctones.
.
Rb

Ricciardi disse...

... e 15 afilhados.
.
Rb

zazie disse...

E essa de uma família de judeus acolher outros judeus vindos da Alemanha, deve ter sido um choque civilizacional do caraças.

É mesmo a melhor comparação com o magote que se vê por toda a Europa a ter casa e tudo de graça e a arrastarem-se pelos cantos sem fazerem nada.

Só em manifs, à pedrada e a exigirem sempre mais.

Por acaso a minha família é católica e acolheu judeus vindos da Alemanha. Sempre será uma pequena diferença face ao bruto choque civilizacional que a tua sofreu.

Como é óbvio, todas essas pessoas tinham dinheiro, vieram para progredir nos seus negócios e o acolhimento era uma forma de integração e ajuda no início, fazendo-se por parentesco de padrinhos e madrinhas dos filhos.

Ficavam como compadres da família.

Tudo isto é igualzinho ao que se tem agora pela frente.

zazie disse...

Então são autóctones ou são os tais trabalhadores a quem tu fazes a caridade de dar emprego por serem refugiados vindos de fora?

zazie disse...

ehehe

Estas tretas sempre foram assim e continuam a ser.

É a preocupação da socialite. Estarem sempre na moda e poderem aparecer como exemplo na capa das revistas.

Pelo meio acontecem umas violações, umas bombas, uns atentados, umas provocações seguidas de retaliações mas isso é outra novela.

Agora estamos na novela das bestas que ainda são bestiais.

Depois passam rapidamente a bestas.

Ricciardi disse...

Tens problemas rapariga. Vê lá isso.
.
Rb

Ricciardi disse...

Bem, primeiro inventado q as meninas adoptadas eram judias. Depois inventado q tenho um jardineiro preto e uma empregada do leste. Depois misturas tudo qdo te respondo q estou disponível a acolher uma ou duas famílias de refugiados.
.
Qual é o teu problema moça?
.
Não satisfeita pelas invenções, pedes satisfações acerca das minhas opções. Que devia acolher vagabundos e outro pessoal necessitado.
.
Deixo-os para ti que parece q fazes distinção qualitativa entre um necessitado português e um extra-necessitado sírio.
.
Ele há cada uma...
.
Rb

zazie disse...

Agora temos a Angelina Jolie da cubata.



skeptikos disse...

Ia comentar mas, a Zazie, tirou-me todas as palavras do teclado. Reforço com as palavras de V.K.: http://www.klaus.cz/clanky/3793