19 outubro 2014

com a faca ao pescoço

Entrevista com Jean Tirole
Pregunta. Europa no encuentra la vía para superar la crisis.
Respuesta. Algunos países, como los del sur, necesitan reformas que les den credibilidad. Del mercado de trabajo, de pensiones, de organización del Estado... Alemania las hizo, los escandinavos también. Como Canadá o Australia. En el sur de Europa hicieron poco. Se han hecho en Grecia o en España, pero ya con el cuchillo en el cuello. Y eso ha tenido costes. En Alemania no esperaron al último momento. Las hicieron en 2002 y 2003.
Comentário: Nos países do Sul as reformas só se fazem com a faca ao pescoço

4 comentários:

tric disse...

A Europa Mediterranica Tradicionalista a ser perseguida pelos...

tric disse...

A Cristandade Mediterrânica está a ser alvo de perseguição nas duas margens...na margem norte pelos Mercados=Israelitas+Saudis+Qatar+Maçons...na margem sul pelos Sauditas+Israelitas+Qatar+Maçons...

Zephyrus disse...

Há cercade de 20/25 anos a Suécia e o Canadá fizeram diversas reformas. Por cá foi-se no sentido de cometer os mesmos erros dos canadianos e dos nórdicos quando já se sabia que a receita não resultaria.

Neyhlup Josand disse...

Não sei se já conhece o Estudo Joaquim...

Depois pergunte-lhes se estão arrependidos das reformas que encetaram.

Porque nem sempre o que os outros fazem é melhor do que o que nós fazemos! Por outro lado permite-nos avaliar se os resultados são bons e decidir se queremos mesmo seguir determinados exemplos.

Como diria o Umberto Eco... às vezes é melhor ler as notícias com 3 meses de atraso, para percebermos melhor o cenário global.

"Preconditions for efficiency and affordability in competitive healthcare markets: are they fulfilled in Belgium, Germany, Israel, the Netherlands and Switzerland?"

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23399042