21 junho 2014

mutilação genital feminina

Na Suécia as escolas examinam periodicamente os genitais dos alunos, mesmo sem autorização dos pais. E foi assim que detectaram que numa turma de 30 alunas todas tinham sofrido mutilação genital.

Parece-me urgente adoptar legislação semelhante em Portugal. Seria possível detectar precocemente alguns casos de abuso sexual, poderíamos fazer um levantamento do número de casos de mutilação genital, e os professores sempre se mantinham entretidos.

5 comentários:

Álvaro Queirós disse...

Somalis......

Anónimo disse...

Bestas mascaradas de seres humanos. Há assuntos em que as coisas nunca irão ao sítio com falinhas mansas.
JM

Anónimo disse...

e o fetocídio ?

Anónimo disse...

Na culpa Jaquim? Solucoes?

Elaites

Anónimo disse...

Já estou, novamente, a gostar deste blogue.